Menu
X

Arquivo da categoria: Crime

imagem
2 semanas ago Crime

Seguradora Icatu comete crime ao adulterar parecer médico para minimizar custos com indenização de segurado

A Seguradora Sicredi / Icatu adulterou laudo médico para fins de minimização do pagamento da indenização a um segurado, disse advogado.

O paciente foi submetido a uma perícia médica na data de 26 de setembro de 2018 no município de Pato Branco tendo que percorrer aproximadamente 200 km para estar na clínica no horário e local agendado.

Nessa ocasião a vítima levou um documento oficial emitido pelo corpo clínico da Seguradora Líder do Consórcio DPVAT chamado “Parecer de perícia médica” que coincidentemente foi realizado pelo mesmo médico que estava lhe atendendo naquele momento.

Segundo a perícia do DPVAT efetivada pela empresa Visão Médica na data de 17 de julho do mesmo ano e atestada pelo mesmo médico perito da Seguradora Icatu / Sicredi a vítima, que sofreu um atropelamento por motocicleta, teve forte trauma no ombro direito e múltiplas fraturas nos ossos da perna direita.

O médico Dr. Luis F. K., através de seu parecer para a Seguradora do DPVAT, apurou que o paciente teve sequela em grau médio (50%) em membro inferior e grau leve no ombro (25%), quando foi apresentado o cálculo de 41,25% do valor total da apólice.

Mesmo parecer foi apresentado durante perícia médica realizada pelo mesmo médico perito através da mesma empresa terceirizada Visão Médica para a Seguradora Icatu. A surpresa ocorreu quando o segurado recebeu valor inferior a metade do já havia sido declarado.

Neste caso o lucro da seguradora perante a esta adulteração documental foi de 63% que é o percentual que deixou de pagar ao segurado. Importante destacar que a tabela utilizada pelo DPVAT neste caso é a mesma utilizada pela Seguradora Icatu / Sicredi, ou seja, o valor correto do pagamento seria o mesmo do DPVAT (41,25%) do valor da apólice, segundo o advogado.

O advogado informou à reportagem que este é somente um dos diversos casos que atende desta mesma seguradora em relação a pagamentos bem menores do que os atestados por laudos médicos.

Novamente, a reportagem reitera, que o médico que realizou as duas perícias, do DPVAT e da Icatu / Sicredi é o mesmo, bem como também mesma foi a empresa responsável pela sua realização, entretanto, a diferença entre um pagamento e o outro foi de 63% obedecendo as proporções.

O paciente nos informou que foram diversas as tentativas de recorrer à seguradora quanto à esta discrepância gigantesca de valores, mas sem sucesso. Foram criados vários protocolos de reclamação e conversas foram realizadas pela ouvidoria do Sicredi e da Icatu, sem qualquer retorno.

© Copyright 2017 Advogados em Francisco Beltrão Paraná. Direitos reservados.